A TI (Tecnologia da Informação) da sua empresa está preparada para a Indústria 4.0?

Prepare sua TI para a adoção de práticas da Indústria 4.0 ou diminua sua expectativa de bons resultados.

Prepare sua TI para a adoção de práticas da Indústria 4.0 ou diminua sua expectativa por bons resultados financeiros vindos destas iniciativas.

A revista Exame edição especial n. 1182 de 30/05/2018 faz um grande benchmarking por países como Alemanha, França e Japão, que já estão colhendo frutos com a adoção de práticas 4.0 em suas indústrias.

Foi abordado com grande enfoque a adoção de tecnologias como internet das coisas, sensoriamento de equipamentos, inteligência artificial e realidade aumentada, por meio da adoção destas práticas, que tornam estes países mais eficientes e competitivos.

Ao ler a revista fiquei muito feliz pelas iniciativas de vários órgãos setoriais e governamentais no que diz respeito a adoção destas práticas de tecnologias que comprovadamente trarão maior eficiência e competitividade para nosso querido Brasil.

A edição está especialmente repleta com vários cases, sejam de desenvolvedores destas tecnologias e de empresas e indústrias que já as adotaram, também traz exemplos de programas setoriais e governamentais que dão dicas para pequenas empresas e indústrias que querem dar os primeiros passos no sentido da indústria 4.0, porém estão receosos ou não fazem a menor ideia de por onde começar.

Um capítulo que me chamou muito a atenção foi o dedicado as iniciativas do SENAI. Acessei o site disponível e achei fantástica a abordagem da plataforma SENAI 4.0 (www.senai40.com.br), inclusive contempla um diagnóstico online e gratuito de avaliação da empresa ou indústria. Dois itens deste capítulo me chamaram muito a atenção:

  • • A primeira citação de Ailton do Nascimento diz: “A melhor forma de se inserir na indústria 4.0 é fazendo pequenos projetos”. Acredito muito nesta abordagem, afinal não é preciso criar um projeto megalomaníaco ou um elefante branco pensando em obter resultados ainda maiores, mas sim focar em pequenos e sólidos projetos que construam uma base de enormes resultados para a empresa ou indústria.
  • • A segunda citação apresentada foi com relação a uma estatística dizendo: “Entrar na indústria 4.0 representa um salto produtivo para as empresas: os ganhos médios podem chegar a 26%”. É realmente fantástico conseguir atingir este tipo de performance.

Já na abordagem realizada pelo SENAI não menos importante é o tópico do GUIA DA REVOLUÇÃO que vou compartilhar na integra aqui com vocês. É considerado um passo a passo para inserir uma empresa na indústria 4.0.

1. ENXUGUE: antes de digitalizar processos, avalie a situação da empresa para adotar práticas gerenciais como eficiência energética, lean manufacturing e medidas para reduzir desperdícios;

2. QUALIFIQUE: as tecnologias da indústria 4.0 demandam profissionais especializados, com conhecimentos de robótica e análise de dados. É válido estimular a criatividade e o empreendedorismo da equipe;

3. SIMPLIFIQUE: inicialmente, adote medidas simples e de baixo custo, como sensoriamento, internet das coisas, computação em nuvem e Big Data para ter ganhos rápidos, preparando-se assim para os próximos passos;

4. INOVE: invista em pesquisa e desenvolvimento com o objetivo de implantar fábricas inteligentes, flexíveis e ágeis, com capacidade de customização da produção em massa.

É neste ponto que posso complementar a abordagem da Exame, pois ela foi focada para o processo de negócio e não contemplado como a TI irá suportar esta nova era 4.0 de sua empresa ou indústria.  Começo minha escrita fazendo um questionamento a você que é CEO ou Diretor de uma empresa, que está pensando ou já adota práticas da indústria 4.0.

Onde toda esta nova informação gerada vai parar?

Todos estes dados vão parar em seus servidores! 

E, como você e sua equipe de TI se prepararam para isso? 

Você que usa ERP SAP por exemplo, está adotando práticas performáticas de desenvolvimentos? Ou seus programas e relatórios demoram incontáveis minutos ou até horas para executarem?

Você disponibiliza sua infraestrutura em Cloud, investe verdadeiras fortunas para manter seu datacenter em um ambiente Cloud, imagine dobrar ou triplicar esta conta devido a nova massa de dados que você está gerando e tudo isto sem performance para seus negócios.

Serão incontáveis horas de processamento até estes dados virarem informação.

Sem preparar sua equipe de TI ainda acredita que irá atingir os ganhos médios de 26%? 

É realmente neste ponto de preparar sua equipe de TI, que nós da QAMETRIK podemos apoiar. 

Atuamos transformando digitalmente os departamentos de TI de empresas com aplicação de metodologia e produto QAMETRIK (www.qametrik.com), os quais automatizam processos de governança, auxiliam nos controles junto aos fornecedores, gerando assim total visibilidade na sustentação dos orçamentos e viabilidade de novos projetos, sem contar que levamos agilidade ao monitoramento de projetos. 

Nosso objetivo é reduzir custos de sustentação e suporte das empresas. Afinal, entendemos que realizar a governança dos processos, a revisão de códigos e testes automatizados regressivos é um processo moroso. 

Foi para auxiliar vocês nestes processos que o produto da QAMETRIK foi desenvolvido.

Nós já apoiamos e auxiliamos esta etapa de transformação em empresas como: Tigre, Hering, Porto Seguro, Localiza, Copacol, entre outras empresas.

Nós podemos apoiar a transformação de sua empresa ou indústria!

Para finalizar, destaco que a economia proporcionada as empresas de nosso portfólio no ultimo ano superou a casa de 2 milhões de reais com melhoria de processos e redução direta de custos.

Pensando neste cenário, convido você a se juntar a QAMETRIK e juntos prepararmos sua empresa e sua equipe de TI para a indústria 4.0, pois juntos somos mais fortes!

 


Voltar